Dj Shark lança "Vaza" em parceria com Rogê e Tati Zaqui | Latinos Brasil | www.latinosbrasil.com Latinos Brasil | www.latinosbrasil.com

Dj Shark lança “Vaza” em parceria com Rogê e Tati Zaqui

Participamos da coletiva de imprensa com os artistas e trouxemos curiosidades sobre o lançamento

Na última quinta-feira(01/10) participamos da coletiva de imprensa com Dj Shark, Rogê e Tati Zaqui sobre o novo lançamento intitulado “VAZA”.

O single foi composto e produzido por Dj Shark que convidou os outros dois artistas para complementar este novo lançamento.

“‘VAZA’ faz parte da minha nova identidade no funk. Uma música mais classuda, mais malandra, mais adulta. Desde o início, eu já sabia que precisava de um toque feminino, para ganhar um equilíbrio em relação a letra. A gente apresentou pra Tati Zaqui, que se amarrou e em um dia ela já gravou. Quando ela cantou, parecia que ela já era íntima da música, foi muito rápido. Fiquei muito feliz. Essa faixa também condiz com a roupagem e posicionamento novo da Zaqui. O Rogê, que também está no momento de retomada da sua carreira, é um nome muito forte dentro das comunidades e muito querido. Ambos tinham tudo a ver com a música. ‘VAZA’ tem a nova cara do Shark e tem tudo pra arrebentar”, disse o artista.

A faixa também conta com videoclipe gravado no espaço cultural SuperLounge, em São Paulo, durante o “Festival SuperNova: Música, Graffiti, Stencil, Lambe-lambe, Arte Digital”, que tem a curadoria de Binho Ribeiro.

Créditos: divulgação

Créditos: divulgação

Os artistas também comentaram sobre como foi produzir conteúdos e seguir trabalhando neste período de pandemia:

TATI ZAQUI: eu acho que a gente tem que se inovar o tempo todo, não só na pandemia, mas na vida e pra todas as coisas que vão acontecendo. O nariz já tá “como” de tanto fazer teste pra coronavírus. Trabalhar neste período é claro que a gente sempre tem que fazer algo menor, algo mais reduzido, mas mostrou que somos capazes de se reinventar o tempo todo e fazer um trabalho incrível mesmo com toda essa crise que tá acontecendo. Eu particularmente não fiz nenhum show nesse tempo todo.

ROGÊ: Nós também seguramos as datas por conta da pandemia. Este tempo todo eu fiquei parado. 6 meses parado direto.

SHARK: Como a Tati falou, foi um momento, pelo menos pra mim, pra ter uma evolução pessoal, aprender outras coisas, evoluir no marketing pessoal, na parte de produção e isso não deixa de ser “se reinventar”. Eu particularmente gravei umas 3 músicas, mas foi assim, clipe em casa, eu daqui e o outro artista da casa dele. Na terceira música eu até falei pra minha equipe “gente, pelo amor de Deus, o próximo clipe ou a gente não faz ou a gente espera estar liberado, porque clipe em casa e tal, tá bom já, já deu a minha cota aqui”(risos). Mas foi legal, a gente encara, a gente tem que ir pra frente e encarar e realmente contribuir pra ajudar as pessoas. A gente já faz isso pessoalmente, mas não necessariamente tudo que a gente faz é público. Já cansei de ir na rua ou na comunidade, passando com o carro e entregando alimento pras pessoas. Tem sempre roupa, porque a gente ganha muita roupa, então eu pelo menos sempre tenho momentos que eu passo com o carro e dou um tênis ou uma roupa, mas nem tudo isso a gente posta. Às vezes fica parecendo que você quer fazer marketing, mas você ajuda simplesmente por ajudar. Quando dá pra fazer alguma coisa que possa ser público, até pra incentivar outras pessoas, é sempre legal né, então é isso. Mas chega de quarentena! Eu tô querendo realmente, dentro do possível, a gente voltar ao normal o quanto antes porque eu tô morrendo de saudade de fazer show.

Sobre o que mais curtiram fazer neste trabalho, Rogê conta que gostou muito de fazer este trabalho com a Tati porque já acompanhava ela desde a primeira música dela, e também trabalhar com o Shark porque nunca havia trabalhado anteriormente com os dois artistas. Tati conta que já conversava com Rogê através das redes sociais e já tinham essa vontade de fazer um trabalho juntos e que também já acompanhava o trabalho de Shark mas que nunca tinham trocado ideias nem se encontrado pessoalmente. Tati também conta que adorou a música por ser bem papo reto e nas gravações do videoclipe se divertiram muito. Shark conta que pra ele foi muito especial porque foi a primeira música que ele fez quase 100% sozinho, mas com algumas ajudas e dicas. Fala também que para ele, ter este trabalho quase que totalmente autoral e com a presença de Rogê e Tati foi muito legal.

Perguntamos aos artistas sobre a estética e como surgiram as ideias para gravação do videoclipe e música. Segue abaixo as respostas que recebemos:

SHARK: Eu estou em uma fase nova musical, ainda dentro do funk, mas com um funk mais adulto, malandro. Dentro deste contexto a gente escolhe a música que tem a ver com essa identidade, a gente passa a pensar no clipe. Não tem como a gente fazer uma música que tem essa vibe mais rua, mais sensual, e fazer um clipe que não tem nada a ver. A gente procura entender a música, o que ela fala e tenta achar um lugar pra gravar o clipe que tenha a ver com aquilo. No caso foi o Jhonny, meu manager, que achou esse lugar que eu achei incrível. Foi em baixo de viaduto lá de São Paulo que tinha tudo a ver com a proposta da música. Primeiro vem a música, depois você escolhe o clipe e acabou que colou certinho porque era street, tinha a rua, aquela coisa urbana, piche, latão, e a gente queria colocar fogo no latão. Achei que também tinha a ver com a identidade da Tati e do Rogê. Essa coisa do funk e do Mc. Achei que casou tudo! Com a ajuda do Jhonny a gente teve muita sorte!

TATI ZAQUI: O Shark que foi responsável. O Jhonny também. Quando eu cheguei lá e vi rolando eu amei muito. Tinha até uma “mina” pichando, fazendo grafite na hora e eu falei “caraca! É nesse nível!”. Veio tudo pronto, mastigado e eu assinei em baixo, mas claro que antes a gente leu o conceito e eu assinei em baixo. Tava tudo lindo!

ROGÊ: Eu também achei bem bacana. Acho que tudo do videoclipe ficou bem bacana e diferente. Essa menina do grafite foi muito bacana! Tirou onda!

Confira abaixo o videoclipe de “VAZA”, parceria entre DJ Shark, Rogê e Tati Zaqui:

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *