Camilla Marotti conversa com o Latinos Brasil | Latinos Brasil | www.latinosbrasil.com Latinos Brasil | www.latinosbrasil.com

Camilla Marotti conversa com o Latinos Brasil

Com o lançamento do primeiro single autoral, a cantora fala sobre o novo trabalho e os próximos projetos

Camilla Marotti é uma verdadeira artista em ascensão. Inspirada pelos desafios da pandemia, ela acaba de divulgar para o mundo a sua canção de estreia “Respira”. Com o lançamento do primeiro single autoral, a artista bateu um papo com o portal Latinos Brasil e falou um pouco sobre o novo trabalho, a carreira e os próximos projetos.

Para quem ainda não conhece, Camilla Marotti participou recentemente da 8ª edição do The Voice Brasil. Dona de uma voz marcante, foi cantando “Fallin”, da Alicia Keys, nas audições às cegas, que ela conquistou o time do Lulu Santos e chegou às quartas de finais no time da Ivete Sangalo.

Camilla Marotti durante as gravações do clipe de “Respira” / Imagem: Divulgação

Mesmo com formação em engenharia, hoje Camilla vê a música como sua primeira opção. A relação com esse lado artístico começou nos palcos do teatro participando de musicais como “Beatles Num Céu de Diamantes” e “Les Misérables”. Em 2016, ela interpretou no cinema a Bailarina em “Os Saltimbancos Trapalhões – O Filme”, da Globo Filmes. Entretanto, foi a partir de seus estudos de canto e de diversos instrumentos como violão, piano, gaita e flauta doce, que a cantora ingressou de vez no universo musical.

Em virtude disso, Camilla montou uma banda chamada “FourPlusOne”, que estreou fazendo homenagem à Aretha Franklin, a rainha do Soul. Apesar de estar se dedicando mais à carreira solo, a artista ainda tem projetos em andamento com o grupo, incluindo alguns shows marcados para o início do ano que vem.

E é dessa forma, mostrando bastante versatilidade, que Camilla Marotti dá início a uma fase de projetos autorais e promete contribuir bastante para a música brasileira. Confira:

Primeiro single autoral “Respira”

Capa do single “Respira”

Até então, Camilla Marotti ainda não tinha uma prática de compor. Mas influenciada pelos desafios da pandemia, a artista resolveu colocar no papel a mistura de sentimentos que veio enfrentando durante os tempos de quarentena e compôs seu primeiro single autoral. Intitulada “Respira”, a canção fala justamente sobre a pausa necessária para respirar e colocar as coisas no lugar no meio de tanta agitação.

LB: Você acaba de lançar “Respira”, seu primeiro single autoral. Como foi a produção dele?

Camilla Marotti: Foi a primeira composição da minha vida. Ela surgiu na quarentena porque eu acho que resolvi me aventurar em composição nesse período. Você acaba querendo se reinventar e tem tempo de sobra para pensar nas coisas. Então foi assim, eu estava sentada um dia e eu gosto muito de parar e respirar, comecei a fazer muito yoga… foi com essa atmosfera que comecei a pensar e me veio uma música naturalmente na minha cabeça.

LB: De uma forma geral, a canção tem uma relação com a pandemia, mas qual seria exatamente a letra dela? Seria sobre o que exatamente?

Camilla Marotti: Eu estava num dia não muito bom, acho que nessa pandemia são muitos altos e baixos, e aí eu parei e falei para mim mesma – “Respira, tá tudo bem, vai ficar tudo certo”. Eu brinco que esse pré-lançamento é uma jornada. Eu vou meio que desmembrando. A letra fala para se concentrar e acreditar que tudo vai dar certo. Mas o que realmente importa? A gente está aqui preocupado com várias coisas superficiais e a música traz essa filosofia, sabe?

A faixa, que também ganhou clipe, chegou às plataformas digitais nesta sexta-feira (23/10). Ainda por conta das medidas de segurança devido ao coronavírus, o vídeo de “Respira” foi gravado com uma equipe reduzida dentro de um quarto de hotel no Rio de Janeiro. Mas nada disso foi um problema. Pelo contrário, os takes gravados em apenas um cômodo ficaram impecáveis. Além disso, outros foram filmados em uma praia, o que torna tudo ainda mais lindo. O resultado final você confere no canal oficial da Camilla Marotti no Youtube.

Se ainda não conferiu, assista agora ao clipe de “Respira”:

LB: Como é o seu primeiro single, você deve estar com muitas expectativas. Você tá muito animada? Como os fãs estão lidando com isso? Como está sendo esse processo?

Camilla Marotti: Acho que está sendo um processo de transição para todas as pessoas que me acompanham. Porque sou formada em engenharia e comecei no teatro musical. Então é tudo uma grande loucura. Eu ainda estou entendendo isso e acho que quem me acompanha também. Mas está sendo super positivo, as pessoas estão curiosas, até porque eu nunca mencionei sobre composição e aí do nada resolvi falar sobre isso. A expectativa é muito grande.

Próximos projetos em andamento

Assim como todo artista em ascensão, Camilla Marotti já tem planos para o futuro. Segundo a cantora, depois de escrever a primeira composição parece que as outras começaram a fluir melhor. Por isso, os fãs podem esperar muitas novidades pelo caminho.

LB: Além desse single, há outro projeto em andamento, como mais um single ou um álbum? O que o público pode esperar?

Camilla Marotti: Uma vez que você compôs, agora já era. Eu espero que saiam muitas composições, mas já tenho uma outra música em andamento. Estou fazendo uma mentoria de composição com a Bárbara Dias, que é uma cantora sensacional e uma super compositora, para poder entender as composições mais comerciais. As músicas que funcionariam dentro do mercado brasileiro. Então eu estou com bastante coisa bacana e música para lançar.

Imagem: Divulgação

LB: Com referências do soul, R&B, blues e bossa, como você define o seu estilo musical hoje?

Camilla Marotti: Essa é uma ótima pergunta e é uma bem difícil para mim. Como cantora, eu gosto muito de jazz, R&B, soul… exatamente como você falou, são as minhas referências. Porém, aqui no Brasil e me lançando nessa carreira solo, eu acho que estou mais no soft pop e um pop alternativo.

Projetos paralelos

Com toda a certeza, Camilla Marotti nasceu para a música. Além da carreira solo, a cantora mantém paralelamente outros projetos musicais e oferece diversos formatos de shows mesmo com a pandemia. Já que as casas de show estão retomando gradativamente suas atividades, com a banda “FourPlusOne”, que homenageia a rainha do soul Aretha Franklin, há algumas apresentações marcadas para janeiro de 2021 no Blue Note, em São Paulo.

Desde fevereiro, a artista se apresenta aos sábados em parceria com o Hotel Fairmont Copacabana, no Rio de Janeiro, em formato voz e violão cantando músicas do R&B e Soul à Bossa Nova. Também devido às restrições por conta do coronavírus, os shows passaram a ser feitos por lives durante um período, mas agora voltaram ao formato presencial de novo. Quem quiser conferir pessoalmente, pode ir curtir a apresentação no ambiente da piscina do hotel no próximo sábado, dia 31 de outubro, às 20h, com entrada franca.

Camilla Marotti é uma artista completa: com seus projetos paralelos, apresenta-se em diversos formatos

Mostrando a força feminina, Camilla se junta à mais duas mulheres para o projeto “Divas”. Como o nome já diz, o repertório do trio acústico envolve músicas de diversas divas modernas americanas, desde a década de 60 até os dias atuais, como Aretha Franklin, Diana Ross, Etta James, Carole King, Whitney Houston, Cindi Lauper e Alicia Keys, entre outras. No palco, as três se apresentam apenas com voz, violoncelo e teclado, com arranjos e direção de Jules Vandystadt. Por conta da pandemia, os shows foram pausados, mas há um planejamento para uma volta em breve, já que as atividades em casas noturnas estão aos poucos voltando ao normal.

Reforçando a versatilidade da artista, Camilla fez duas apresentações no “Teatro Sem Bolso”, da atriz Ana Beatriz Nogueira. Com a proposta de espalhar e levar a arte até a casa das pessoas, o projeto abre espaço para transmissões ao vivo de shows e peças. Por enquanto, não há novas datas definidas, mas há um desejo da equipe de seguir participando.

Confira a entrevista na íntegra no IGTV do Latinos Brasil:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *