Com participação de Adriana Bombom, Vou Pro Sereno lança clipe de “Eu Volto Pra Almoçar”

Vou Pro Sereno, um dos expoentes do samba carioca, montou um time de peso para lançar seu novo clipe, “Eu Volto Pra Almoçar”, já disponível no canal do grupo no YouTube. Com uma formação liderada por Adriana Bombom, o vídeo ainda traz outros personagens conhecidos do público carioca como Voz de Galinha, Gordinho da VK, homem do VAR, figura frequente nos jogos do Maracanã, e Nego Ney.

O clipe transforma de maneira muito bem-humorada a letra da música, que é o destaque do EP lançado em outubro, que leva o mesmo nome. Contando com todos os momentos descritos da música, o vídeo não deixa de fora a mulher ligando, os apelidos dos jogadores, os lances descritos, ou seja, tudo foi colocado em imagens.

“A gravação foi feita no Fumacê, e a gente conta a história da música. O roteiro é 100% a letra. Nós convidamos a Adriana Bombom, que tem tudo a ver com o samba, para fazer o papel da mulher esperando para o almoço de domingo, só que ele saiu para jogar e está demorando”, conta Julio.  “A gente buscou contar essa história de maneira engraçada, então pensamos em chamar esses personagens que estão fazendo sucesso na internet para agregar no clipe”, complementa Rodrigo sobre as participações.

O EP “Eu Volto Pra Almoçar” foi lançado em outubro e é composto por seis faixas, trazendo o melhor do grupo carioca. Este é primeiro projeto inteiramente inédito do VPS, reconhecido também por releituras de sucessos do Samba. O EP “Eu Volto Pra Almoçar” representa um novo caminho rumo à consolidação de um trabalho que aposta em sucessos próprios. O grupo reserva novidades para os próximos meses. Além disso, a música “Teu Segredo”, com participação de Ludmila, está no Top 200 do Spotify e acumula mais de 6.2 milhões de views no YouTube.

Confira: https://smb.lnk.to/EuVoltoPraAlmocar

Vou Pro Sereno ou “VPS”, como chamam os fãs, é formado por Alex Sereno (tantã e voz), Júlio César (pandeiro e voz), Paulinho (reco-reco e voz) e Rodrigo Sereno (violão e voz). Com mais de 20 anos de história, o quarteto surgiu na Zona Oeste do Rio e explodiu nacionalmente com a música “Nada Pra Fazer”, que deu nome a uma roda de samba que levava cerca de 10 mil pessoas ao Bangu Atlético Clube, na cidade do Rio de Janeiro. A roda começou a atrair amantes do samba, além de muitos sambistas. Desde então, o grupo passou a rodar com o projeto, embalando e animando o público com o melhor dos clássicos do samba pelo país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *